Camila Deus Dará

NINHO DE FOGO – CORAÇÃO DE ESCAMAS (VÍDEO RESENHA)

Ao que tudo indica estou mais no clima de vídeos do que escrita, como vocês podem ver. Talvez eu esteja determinada a me soltar, particularmente acho que estou bem menos travada nessa resenha do que na primeira! Quem me acompanha aqui com certeza está mais acostumado a ler as coisas que eu escrevo mesmo, então não sei na verdade como está sendo para vocês esse tipo de interação mais inclinado para as recomendações. Ainda assim estou incentivando a leitura, não é mesmo?
Sinceramente, eu quero muito fazer outros vídeos poemas, mas é bem complicado. Preciso ter dinheiro para ficar saindo e procurando pelos lugares ideais para cada quadro, o clima precisa estar bom… São coisas que não dependem só de mim, mas obviamente não vou abandonar essa ideia. Eu sei que a maioria das pessoas que divulgam poemas no Youtube preferem recitar, mas eu sou extremamente tímida pra isso. Até falar de livro está sendo complicado pra mim, imagina então recitar na entonação certa para tocar o coração das pessoas. Anyway, escritores também são leitores, então enquanto não posso divulgar minhas coisas, quero divulgar outras coisas boas que temos no mundo. Inclusive, se alguém tiver interesse em divulgação, fale comigo, podemos tentar algo juntos, crescer juntos.
O vídeo de hoje é a resenha do segundo livro da trilogia Ninho de Fogo, da autora Camila Deus Dará e esse é o meu livro preferido dessa história maravilhosa. Então se você gosta de ficção e principalmente dragões, eu super recomendo essa leitura. Vem dar uma olhada, mas se você não viu a primeira parte, dá um pulo aqui antes para não ficar boiando!

Espero que tenham gostado e eu adoraria um feedback aqui e lá no canal mesmo, me ajuda muito!
Semana que vem tem uma crônica de Natal especial por aqui, então não esqueçam de conferir, tudo bem?

Por hoje é só e até a próxima dose!

NINHO DE FOGO – A MESTIÇA (VÍDEO RESENHA)

Já virou um hábito sumir daqui esse ano e, não se enganem, não estou bem com isso. Sempre que eu apareço digo que irei voltar, que estou tentando e tudo o mais. Talvez a verdade seja que eu quero tentar mas não estou conseguindo. Eu já me sinto uma pessoa bem sem garra, determinação… E aí a minha vida é imã para problemas. Se não consigo fazer as coisas sem complicações, imagina com elas.
Esse ano, sem sombra de dúvidas, foi um dos piores da minha vida. Desde o primeiro mês eu tive problemas, estive numa luta contra a porra do sistema (emprego) e depois de conseguir escapar tive que enfrentar os danos psicológicos causados por todo o estresse. Não houve um só mês em que eu não tive crises feias de depressão e ansiedade.
Por sorte, consegui um encaixe no psicólogo que meu marido vai e comecei as consultas em setembro. Posso dizer que já sinto uma melhora em alguns aspectos, mas ainda há muito para ser trabalhado. Como é em uma faculdade, agora eles já entraram em férias e ficarei sem consulta até as aulas voltarem, então terei que me virar sozinha. Um verdadeiro desafio.
Estive com esse novo projeto de fazer vídeos já que eu ando vivendo nesse inferno criativo da escrita, mas como eu disse, minha vida é imã para problemas. Logo que o box do Ninho de Fogo chegou, decidi que ia ler e fazer vídeos resenhando eles para vocês, já que é de uma autora brasileira e sinto no coração que devemos divulgar nossos autores. Decidi ler tudo e fazer a resenha da trilogia toda, mas logo que terminei, uma série de coisas aconteceu. Doença, clima péssimo pra gravar vídeo, falta de equipamento, falta de privacidade, falta de voz. Um caos. Na primeira oportunidade que tive, em novembro, sentei a bunda no banquinho e gravei. Aqui está:


Tive inúmeros problemas para gravar também. Eu gravo do meu celular e a qualidade já não é sensacional, mas devido a algumas razões eu tive que dar zoom e a qualidade caiu mais um pouco, mesmo eu pesquisando sobre alguns aplicativos de zoom. Tive problemas com o áudio, mesmo gravando ele separado em outro celular ficou ruim e optei por usar o da câmera mesmo. Tive inúmeras crises de ansiedade para gravar, já que sou completamente tímida e travada pra falar. Foram horas de gravação e deletando os péssimos resultados que obtive, até chegar nesse, que achei estar ok para uma iniciante. Com tudo isso, só consegui gravar a resenha do primeiro livro. Sim, eu disse que queria ler o box todo e gravar um vídeo resenha geral e eu realmente tentei, mas era informação demais pra um vídeo, então decidi separar mesmo. Agora estou aqui, esperando as circunstâncias abrirem pelo menos uma brechinha para que eu possa sentar e gravar os próximos.
Espero que tenham gostado, eu super recomendo essa trilogia sensacional. A Camila, além de ótima escritora, é uma pessoa extrovertida, educada e amigável, me respondeu em todos o lugares que entrei em contato com ela para mostrar esse vídeo. Ela também tem um canal, que já até recomendei aqui, falando sobre todo o processo de escrita dela e dando ótimas dicas. Os links para comprar o box e para o canal da Camila estão no box de informações do vídeo, não deixem de conferir!
O ano está acabando e, apesar de achar que isso não faz o menor sentido, desejo ter um começo bem melhor do que eu tive. Esse mês ainda irei postar uma crônica de natal que escrevi ano passado e não postei, então fiquem de olho! E se não for pedir demais, me enviem um pouquinho de força e energia positiva, para que o sangue, o sonho e os desejos de escritora voltem a correr pelo meu corpo.

Por hoje é só e até a próxima dose!

Desabafos e indicações

Quase um mês se passou desde que saí do emprego, e tenho me sentido melhor, confesso. Porém, também tenho estado deprimida. Pra quem não sabe, se é que não é óbvio, eu tenho depressão. Se dificuldades para escrever e bloqueios acontecem com qualquer pessoa que escreve, imagina só quando há a necessidade de lidar com problemas psicológicos o tempo todo barrando você. É péssimo. Então, quando os neurotransmissores não estão trabalhando direitinho, eu fico deprimida. Estando deprimida, não consigo fazer nada do que eu deveria fazer e perco a vontade de todas as coisas que geralmente costumo gostar. Só que isso gera o maldito ciclo vicioso: não consigo escrever porque estou deprimida e fico deprimida porque não estou conseguindo escrever. Entende como é complicado?

Só que nos últimos dias eu tenho andado irritada com tudo isso. Agora que tenho tempo, resolvi procurar tratamento, mas nada é simples na vida não é mesmo? Alguns problemas aconteceram pra ir adiando algo que poderia me ajudar. Em algum outro mês eu teria deixado pra lá e me afundado na tristeza que costuma me cercar, mas não nesse. Não agora.
Eu estou cansada. Cansada de esperar o dia em que estarei bem, o dia que a vontade de escrever vai bater com tudo, o dia que a inspiração vai entrar com o sol pela minha janela e eu vou sentar a bunda na cadeira e escrever como nunca. Escrever coisas fantásticas.
Decidi que eu deveria bater de frente com toda essa angústia, não me deixar vencer fácil como eu venho fazendo. Cansei de ter meus objetivos roubados de mim, meus prazeres.

O que aconteceu foi que nesse meu ápice de cansaço de estar deprimida, eu vi  alguns vídeos de escritoras nacionais dando algumas dicas sobre o processo de escrita de livros, falando sobre criatividade, bloqueio e todas as dúvidas que cercam o universo dos escritores. Tenho que dizer aqui que os primeiros vídeos que eu vi não me ajudaram em nada, pelo contrário, me deixaram pior. É cada escritor que a gente vê nesse país, que dá um certo desespero, sabe? Tanta gente convencida de si mesma, que gasta horas na frente de uma câmera apenas enaltecendo seu dom e sua capacidade, sua garra… Isso não é de ajuda alguma pra mim. Só que o Youtube é uma maravilha às vezes, e graças à essas clicadas de azar, começaram a surgir sugestões excelentes na minha página inicial. Uma delas foi o canal da Camila Deus Dará, autora da trilogia Ninho de Fogo. Logo de primeira eu fui com a cara dela, dona de um olhar sincero, não parecia estar ali para se glorificar e diminuir outros. Pelo contrário, os vídeos dela serviram para me motivar ao invés de me desanimar como os anteriores acabaram fazendo.


Eu ainda não li os livros dela, estou esperando sair o box e aí compro completinho!
Não sei se esse post chegará até ela, mas: Camila, você é uma pessoa encantadora e forte. Obrigada por dedicar tempo da sua vida tão cheia de coisas para ajudar outros escritores. Seus vídeos estão sendo muito importantes pra mim, nessa fase difícil da minha vida. Desejo todo o sucesso do mundo.

E foi vendo os vídeos da Camila que eu acabei encontrando a Gaby Brandalise, outro serzinho maravilhoso! Ela explica as coisas de uma maneira fácil de entender, sempre dá exemplos engraçados e é uma pessoa cativante. Quando estou assistindo os vídeos dela, sinto que ela está aqui em casa numa espécie de festa do pijama, varando a noite me dando conselhos e me motivando a fazer alguma coisa. Bom, cá estou eu. E aqui está ela:


Gaby, obrigada pelo seu trabalho maravilhoso! Se eu ainda morasse em Curitiba, ia querer te dar um abraço. Você tem me ajudado muito, sem contar que é uma exelente companhia pra noite. Desejo muito sucesso para você e mal vejo a hora de ler sua história. Eu tentei pelo Wattpad, mas toda vez que eu clico no link aparece que a história foi removida.

Esse post além de desabafo, serve como agradecimento. É difícil encontrar ajuda sincera nos tempos de hoje, ainda mais vinda de outros escritores, que geralmente não querem ver ninguém crescer. Então espero que se mais alguém por aqui estiver com probleminhas para escrever ou apenas quiser algumas dicas mesmo, goste da minha indicação de vídeos dessas mulheres maravilhosas!

Por hoje é só, e até a próxima dose!