São Paulo!

Cheguei aqui há seis meses, mas sempre soube que um pedaço de mim pertencia a esse lugar. Eu vim de Curitiba, e também amo lá. Mas São Paulo definitivamente me fez uma pessoa melhor, com apenas poucos meses de experiência nessa loucura que é viver nesse estado enorme e nessa capital tão frenética. Hoje, em comemoração ao aniversário de SP irei falar um pouco sobre coisas que eu amo por aqui.

A Liberdade. Não é aquele cantinho Japonês não, apesar de ser um amor. A liberdade que tô falando aqui é a liberdade de ser eu mesma sem medo de olhares, de críticas. Lá em Curitiba eu tinha medo de tudo. Eu nunca deixei de fazer o que quis, mas confesso que os olhares incomodam. Aqui todo mundo é diferente, várias culturas, muitas tribos e estilos, é tudo muito abrangente e cheio de gente maluca como eu e até bem mais. Eu adoro isso. Eu adoro poder mudar de estilo todo dia sem ter gente olhando torto ou me questionando. Quando a gente fica tempo demais num lugar as pessoas acham que adquiriram o poder de apontar o dedo pra gente e dizer o que combina ou não, e isso é bem pior no sul, onde todo mundo é um pouco mais reservado e bem mais preconceituoso. Sério. Uma das coisas que mais me incomodavam lá, é o fato da maior parte das pessoas serem muito brancas e brancas de fundo frio, sabe. E pra eles, quem não é leite azedo, nenhum cabelo colorido combina. Também não sou negra, nunca sofri racismo, e sinceramente aqui em São Paulo tive que criar uma “categoria” pra mim, já que mulata e parda são coisas que não existem. Meu tom de pele natural é aquela cor bronzeadinha meio dourada que as pessoas brancas de fundo quente pegam quando vão pra praia. E só isso era motivo de eu ouvir de amigos que cabelo colorido não ia ficar bom pra mim. Aqui em São Paulo isso mudou. A gente vê gente de toda cor com cabelo colorido, fica bem pra todo mundo, sabe. E pra falar a verdade, tô até enjoada das “pale girls” de cabelo colorido. É comum, é fácil. Eu gosto mesmo é de ver gente inovando, quebrando padrões, e isso tem de montão por aqui.
Além de me libertar de comentários e ideias idiotas de pessoas branquelas do sul, também me libertei do sutiã. Só uso em casos extremamente necessários, já que não tenho peitões. São Paulo liga o foda-se da gente. E aí já entro na questão de abrir mentes. Antes eu não entendia muita coisa sobre racismo, sobre feminismo, e hoje vejo que são coisas pelas quais a gente precisa ter conhecimento.

Os movimentos culturais. A gente fica pensando que SP é legal por ser grande e shows de bandas famosas acontecerem por aqui, grandes eventos, grandes peças de teatro e tudo o mais. Mas mais legal que isso é o que acontece nos bairros. Coisas mais alternativas e independentes, cheias de conteúdo. Ótimos poetas, escritores, atores, fazendo algo para a galera dos cantos mais pobres, dando oportunidades, reconhecendo talentos e esforços sem olhar para raça ou classe social. Um exemplo bem legal disso é o Slam da Guilhermina. Nesse tempo que estou aqui fui apenas em três, mas esse ano pretendo ir em bem mais.

Metrô. Não venham me chamar de louca, mas todo mundo sabe que em Curitiba não tem metrô. Eu prefiro mil vezes pegar metrô lotado e ir de pé, massacrada, mas chegar rapidinho em casa do que pegar ônibus lotado, ir de pé, massacrada, ser assaltada, pegar um trânsito filha da puta na Avenida das Torres e chegar em casa depois de mais de uma hora. É estressante demais.

Essas são três coisas que eu amo aqui, além do óbvio: Meu namorado e cunhada que são minha família, e meus novos amigos. Espero conhecer muito mais dessa selva de pedra, fazer vários rolês culturais e gourmet também.

FELIZ ANIVERSÁRIO, SÃO PAULO!

Por hoje é só, e até a próxima dose!

Anúncios

13 comentários

  1. Estou indo pra SP em breve e estou meio assustada. Sou do Rio e nunca me imaginei morando em SP, mas eu tenho as mesmas críticas a minha cidade. Preciso dessa liberdade também. Tomara que eu me encante assim como você se encantou. Bonito texto.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Sério? Vai vir sozinha ou com a família? Tenho certeza que vai se adaptar rápido, até mais do que eu já que Rio é grande também e tem metrô, hahah. Pera, é RJ ou RS? Se for RS, sinto muito por passar por coisas parecidas que eu, parece que o sul tá meio lerdo mesmo. Mas se for RJ fico triste por saber que mesmo em outro estado grande coisas absurdas desse tipo acontecem. Enfim, boa jornada para SP, que a sorte esteja ao seu favor!

      Curtir

      1. Vou sozinha. Estou indo pra estudar/morar em SP. Ainda não me animei com a idea, mas acho que me fará bem. E é Rio de Janeiro msm. Parece que é moderno, mas vai por mim, estamos to atrasados. Ainda mais em Niterói, que é onde moro (cidade ao lado do Rio). Essa cidade sim ta perdida no tempo e não avança. Obrigada, espero q SP me anime mais. beijao

        Curtido por 1 pessoa

      2. Que legal, vai estudar o que?
        Que triste saber que no Rio tá assim também, o país inteiro precisa melhorar né, fazer o que. Mas vai por mim, mudar de estado da um gás na vida, outros ares.
        Beijão!

        Curtir

      3. Farei uma Pós em Roteiro para Cinema e TV. Eu me formei em Cinema aqui no Rio e agora quero fazer uma pós. Mas é uma carreira difícil no Brasil, SP é o lugar com mais oportunidades. Vamos ver né? E sim, o Brasil só não vai pra frente por causa da mentalidade das pessoas. No dia q isso mudar, seremos o melhor país para viver. Espero q isso não demore mto. Beijos

        Curtido por 1 pessoa

      4. Que lindo! Cinema é um curso muito legal. Realmente, por aqui tem mais oportunidade, eu vivo no meio de uma galera que faz teatro que também é envolvida com a área de cinema. Desejo que realmente você se dê bem aqui.
        E eu sou uma pessoa desacreditada, o problema é sempre com as pessoas mas já não acredito que um dia o povo vai mudar.

        Curtir

  2. Como foi que perdi esse post? Também sinto meu coração bater forte por SP, quem sabe um dia?
    Achei muito interessante tudo o que você falou sobre Curitiba, achava que o pessoal por lá era mais de boa! Mas acho que SP é mesmo único, com todas suas misturas maravilhosas! Que bom que você tá feliz aí, Mel! Me deixou mais confiante pra encarar essa cidade um dia!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Você mora em qual estado? Ah, Curitiba é linda, aconchegante e tem seu charme (eu acho que é a variedade de cafézinhos fofos), mas realmente nessas questões políticas eles estão bem atrasados. O racismo é mais forte, e o que é pior, é tão comum que chega a ser natural, quem pratica nem tem a noção muitas vezes de que aquilo é ofensivo. Mas é legal passar as férias, viajar. Quanto a SP, me encontrei aqui, só tenho a reclamar sobre o calor mesmo!

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s